Artigo

Balas & Bolinhos, o espetáculo: «Queríamos celebrar o fim da trilogia»

O quarteto mais conhecido do cinema português está de volta com um espetáculo para celebrar o fim da trilogia “Balas & Bolinhos”.

Tone, Culatra, Bino, Rato e outros convidados especiais vão estar no Coliseu do Porto nos dias 15 e 16 de março e no Coliseu dos Recreios, em Lisboa, no dia 30.

“Quando fizemos o primeiro filme, não pensávamos que íamos fazer o segundo, e o mesmo aconteceu no terceiro”, conta João Pires, “Bino”, ao SAPO Cinema. Mas a grande comunidade de fãs nas redes sociais e o carinho do público impulsionaram sempre a sua concretização. O mesmo aconteceu com o espetáculo.

“Pegámos numa ideia já antiga: que tínhamos de trazer estas quatro personagens para o palco. Desenvolvemos isso e decidimos fazer quase como o fechar de um ciclo, agradecer às pessoas que sempre nos apoiaram”, explica João Pires. “O espetáculo será bastante interativo, nós próprios vamos estar junto com o público que vai sentir-se convidado a interagir connosco”, acrescenta Jorge Neto, “Rato”.



“Balas & Bolinhos – mesmo à frente do teu focinho!” será uma mistura de teatro, música, dança e vídeo. Juntamente com os restantes atores, o quarteto irá encenar algumas passagens mais marcantes dos três filmes, mas também alguns inéditos que nunca chegaram a ser gravados ou não foram incluídos nas películas.

O espetáculo começou a ser preparado em meados de setembro de 2012, “desde que começámos a ver que o público estava a corresponder às expectativas daquilo que é um filme como o Balas e acabamos por chegar a este ponto”, afirma Jorge Neto.

“Trouxemos mais verdade ao cinema português”


12 anos depois da estreia do primeiro filme, os dois atores consideram que a trilogia trouxe mais “verdade” ao cinema português. “Se tu prestas atenção quando andas na rua e às pessoas a discursarem e a falarem umas com as outras, percebes que isso não é muito normal ser representado no cinema hoje em dia. Aquilo que nós vemos no cinema português é um bocadinho mais formatado. Trouxemos mais realidade na linguagem e em algumas situações”, completa João Pires.

O Bino e o Rato deixam saudades? “O Rato é um dos mais marcantes, mas de mim o Rato é só alegria, é o que fica”, diz Jorge Neto. Para João Pires, “Bino”, a personagem que não fala nos três filmes, foi um “desafio” que o ator não vai esquecer, mas as personagens que mais gosta de fazer são aquelas que ainda não fez, refere.

Os dois atores têm vários projetos para o futuro que passam pelo cinema e pelo teatro. Respondendo ao grupo no Facebook com milhares de fãs que querem o “Balas & Bolinhos 4”, a dupla afirma: “nós queremos que este projeto termine neste momento, não estamos a pensar em fazer mais nada, tudo tem que acabar”. Por enquanto é o fim, “mas nunca se sabe”, concluem.

Comentários