Artigo

«Boyhood», «Grand Budapest Hotel» e glamour dominam prémios BAFTA

Continua a dispersão de prémios este temporada: contra a corrente, os britânicos distinguiram os filmes de Richard Linklater e Wes Anderson, ignorando «Birdman». O SAPO Cinema tem as melhores imagens.

A 68ª edição dos BAFTA, atribuídos pela Academia Britânica de Cinema, realizou-se no domingo à noite em Londres e atribuiu o prémio de melhor filme a «Boyhood- Momentos de uma Vida» como o Melhor Filme. Richard Linklater e Patricia Arquette foram ainda votados melhor realizador e atriz secundária.

Desde que os prémios atribuídos pela Academia de Cinema e Televisão Britânicas anteciparam a sua cerimónia em 2000 para terem lugar ainda durante a votação para os Óscares que as escolhas para melhor filme coincidiram oito em 13 vezes, incluindo os últimos 6: «Quem Quer Ser Bilionário?», (08), «Estado de Guerra» (09), « O Discurso do Rei» (10), « O Artista» (11), «Argo» (12) e «12 Anos Escravo» (13).

Um pouco contra a corrente das últimas semanas, «Birdman ou (A Inesperada Virtude da Ignorância)», nomeado em 10 categorias, apenas foi distinguido pela sua fotografia.

«Grand Budapest Hotel», que liderava com 11 nomeações, acabou por ser o título mais ouvido na cerimónia apresentada por Stephen Frey, recolhendo prémios pelo argumento original, canção, direção artística, guarda-roupa, caracterização

A quota britânica acabou por ficar por «A Teoria de Tudo», que valeu o BAFTA de melhor filme britânico, melhor ator (Eddie Redmayne) e argumento adaptado. «O Jogo da Imitação», que tinha nove nomeações, ficou se nada.

MELHOR FILME

«Boyhood - Momentos de uma Vida»

MELHOR FILME BRITÂNICO

«A Teoria de Tudo»

MELHOR FILME DE ANIMAÇÃO

«O Filme Lego»

MELHOR FILME ESTRANGEIRO

«Ida» (Polónia)

MELHOR ATOR

Eddie Redmayne («A Teoria de Tudo»

MELHOR ATRIZ

Julianne Moore («O Meu Nome é Alice»)

MELHOR ATOR SECUNDÁRIO

J.K. Simmons («Whiplash - Nos Limites»)

MELHOR ATRIZ SECUNDÁRIA

Patricia Arquette («Boyhood - Momentos de uma Vida»

Melhor Realização

Richard Linklater («Boyhood - Momentos de Uma Vida»)

Prémio Revelação (votado pelo público)

Jack O'Connell

Melhor Estreia de um Argumentista, Realizador ou Produtor Britânico

Stephen Beresford (argumentista), David Livingstone (produtor) por «Orgulho»

Melhor Documentário

«CitizenFour»

Melhor Argumento Original

«Grand Budapest Hotel»

Melhor Argumento Adaptado

«A Teoria de Tudo»

Melhor Música Original

«Grand Budapest Hotel»

Melhor Fotografia

«Birdman»

Melhor Montagem

«Whiplash - Nos Limites»

Melhor Direção Artística

«Grand Budapest Hotel»

Melhor Guarda-Roupa

«Grand Budapest Hotel»

Melhor Caracterização

«Grand Budapest Hotel»

Melhor Som

«Whiplash - Nos Limites»

Melhores Efeitos Visuais

«Interstellar»

Melhor Curta-Metragem de Animação

«The Bigger Picture»

Melhor Curta-Metragem de Imagem Real

«Boogaloo and Graham»

Comentários