Artigo

Cara Delevingne: Das passerelles para o desfile de personagens no cinema

A moda tornou-a um dos rostos mais populares da atualidade, mas a partir desta semana é no grande ecrã que Cara Delevingne se prepara para reinar, como a estrela principal de “Cidades de Papel” e com nada menos que seis novos filmes em produção.

A transição da carreira de modelo para a de atriz é uma realidade cada vez mais natural. Mesmo assim o caso da super-modelo britânica Cara Delevingne é muito especial. Com apenas 22 anos, ela é já um dos rostos mais populares do mundo graças à sua presença no mundo da moda e prepara-se para expandir a sua popularidade ao cinema, com o seu primeiro papel principal, no filme Cidades de Papel. Um feito tanto mais surpreendente por as suas escolhas de carreira estarem longe de ser as mais seguras e por ela ter já seis outros filmes muito diferentes em fase de produção.

Depois das capas de revistas e das passerelles de moda, Delevinge apostou tudo na personagem de Margo Roth Spiegelman, em redor da qual gira toda a ação do best-seller “Cidades de Papel”, assinado por John Green, o mesmo autor de “A Culpa é das Estrelas”.

A adaptação ao cinema chega esta semana às salas de todo o mundo, e nela a jovem assume o papel de uma adolescente rebelde mas popular, que procura fugir a todos os rótulos, e em busca da qual parte um vizinho que toda a vida esteve apaixonado por ela.

Tal como a sua personagem, Cara Delevingne tem feito, até agora, uma carreira de fuga a todos os rótulos. A sua árvore genealógica está cheia de figuras distintas, de lordes a duques e barões, mas o seu fascínio pelo mais plebeu mundo da moda assim como o assumir sem preconceitos da sua bissexualidade parece ter ultrapassado todos os conservadorismos.

Seguindo os passos da irmã mais velha, Poppy Delevingne (e quem sabe o exemplo da madrinha de nascimento, Joan Collins), Cara começou cedo a carreira de modelo, com o rosto misterioso e a extrema fotogenia a valerem-lhe os mais rasgados elogios. A ascensão ao primeiro plano da profissão foi quase imediato mas o lado irreverente da jovem levou-a por outros caminhos, onde está a ter um sucesso fulgurante: por um lado o da música, por outro o do cinema.

Além de cantar, Cara toca guitarra e bateria, e gravou recentemente com a super-estrela Pharrell Williams a canção “CC The World”, que ambos cantariam também na curta-metragem “Reincarnation by Channel”, realizada pelo próprio Karl Lagerfeld. Pela mesma altura, ele fez também dueto com Will Heard com o tema “Sonnentaz (Sun Don’t Shine)”.

Ver artigo completo

Comentários