Artigo

Com 95 anos, Lester James Peries passa a ser o cineasta mais velho do mundo

Fez 20 filmes, muitos deles relacionados com as condições de vida das famílias rurais do seu país, o Sri Lanka.

Lester James Peries, natural do Sri Lanka, de 95 anos, passou a ser o realizador de cinema mais velho do mundo depois da morte hoje de Manoel de Oliveira aos 106 anos.

A informação consta na lista «Oldest Living Great Directors» [Os Melhores Realizadores Vivos] da Internet Movie Database (IMDB).

Lester James Peries nasceu a 19 abril de 1919, iniciou a sua atividade em 1956 e tornou-se reconhecido com os filmes «Rekava» (1956), «Baddegama» (1981) e «Wekande Walauwa» (2002).

Não obstante, o último filme que realizou foi «Ammawarune», em 2006, quando tinha 81 anos. Por comparação, Oliveira fez 22 longas-metragens após essa idade.

A fotografia data de 1 de março de 2001, quando foi homenageado no Festival de Cinema Asiático de Deauville.

O segundo realizador mais velho é agora Michael Anderson, nascido em Londres em 1920, que ficou conhecido pelos filmes «Fuga no Século XX» (1976), o oscarizado «A Volta ao Mundo em Oitenta Dias» (1956) e «Esquadrilha Heróica» (1955).

Da lista de cineastas vivos com mais de 90 anos fazem ainda parte o lituano Jonas Mekas (92 anos), o iraniano Ebrahim Galeston (92 anos), o norte-americano Haskell Wexler (93 anos) e o japonês Seijun Suzuki (91 anos), entre outros.

Comentários