Artigo

Deus, Satanás e apóstolos promovem novo filme de Nicolas Cage

A publicidade a «Left Behind» recorre às mais diversas entidades, numa campanha que é preciso ver para acreditar.

«Não deixe os incrédulos ver este filme» é a citação que aparece num cartaz publicado no Facebook de «Left Behind», o filme de Nicolas Cage que chega a 3 de outubro aos cinemas dos EUA. A autoria? Não, como é habitual, um crítico de cinema ou personalidade mediática, mas o próprio Satanás.

A referência não é de todo inocente: esta é uma forma de recordar que «Left Behind» se dirige ao mesmo público cristão que fez de filmes como «A Paixão de Cristo» ou, mais recentemente, «God's Not Dead» e «O Céu Existe Mesmo», êxitos comerciais.

O estúdio Stoney Lake Entertainment reconhece que tem como objetivo «produzir filmes sobre temas religiosos de grande orçamento para o grande público». A participação de Nicolas Cage como um piloto de aviões confrontado com o Apocalipse e que, com a humanidade envolvida em caos e destruição, terá de guiar os sobreviventes ao longo de sete anos até à batalha do bem contra o mal, reflete essa maior ambição.

A campanha recorre igualmente a Deus, citações dos apóstolos e a situações da atualidade em que está presente uma tese de interpretação de vários livros bíblicos, o «Arrebatamento». Na sequência desse acontecimento, Jesus Cristo resgataria os crentes para uma Nova Jerusalém, deixando na Terra os que não o aceitam como o seu Salvador. Seguir-se-ia um grande caos durante sete anos, período após o qual Jesus voltaria com os que salvara para reinar durante 1000 anos.

Curiosamente, comprovando que não existe mesmo nada que Hollywood não refaça, «Left Behind» é uma nova adaptação: existiram três filmes de baixo orçamento entre 2000 e 2005 protagonizados Kirk Cameron, ator infantil dos anos 80 pela série «Growing Pains» e conhecido cristão renascido, baseados na popular série de livros já com 16 títulos considerados reacionários escritos por Tim LaHaye, um pastor cristão evangélico associado a obras de cariz homofóbico e conspiratório, em co-autoria com Jerry B. Jenkins.

«Left Behind» inclui no elenco Lea Thompson («Regresso ao Futuro»), Chad Michael Murray (da série «One Three Hill») e é realizado por Vic Armstrong, um dos mais famosos duplos da indústria (fez as cenas mais arriscadas de «Indiana Jones»). Ainda não tem data de estreia prevista para Portugal.

Comentários