Artigo

Filipe Melo dirige The Legendary Tigerman e Samuel Úria em policial à italiana

O «spot» da 6ª edição da Festa do Cinema Italiano é uma homenagem aos filmes policiais dos anos 70, realizado por Filipe Melo e protagonizado por nomes como The Legendary Tigerman, Samuel Úria, Victoria Guerra e Ana Lúcia Chita.

O «poliziottesco», um sub-género do cinema popular italiano composto por filmes policiais e de ação e que teve o seu auge nos anos 70, vai ser um dos grandes destaques da 6ª edição da Festa do Cinema Italiano. O «spot» do evento é precisamente uma homenagem a esse tipo de fitas, com produção à altura e realização do multifacteado Filipe Melo, músico de jazz, autor dos livros de BD «As Aventuras de Dog Mendonça e Pizzaboy», e responsável pela curta-metragem de terror «I'll See You in My Dreams» e a série «Mundo Catita».

O «spot» é protagonizado por The Legendary Tigerman, Samuel Úria, Victoria Guerra, Ana Lúcia Chita, Donatello Brida e Fernando Pires.

A 8 1/2 Festa do Cinema Italiano decorre entre 20 e 28 de março no cinema São Jorge, em Lisboa, e prossegue depois em Coimbra, Porto, Funchal e, pela primeira vez, em Loulé e na capital angolana, até ao começo de junho.

Além do «poliziottesco», o evento prestará também homenagem ao «western-spaghetti», receberá os realizadores Marco Tullio Giordana ( «A Melhor Juventude») e Paolo Genovese, e estreará o documentário «Benfica-Torino 4-3», de Andrea Ragusa e Nuno Figueiredo, sobre o trágico acidente de avião que vitimou a equipa de futebol do Grande Torino, em 1949, depois de ter participado num jogo amigável com o Benfica, no Jamor.

Comentários