Artigo

«Guia para Um Final Feliz» é eleito Melhor Filme Independente do ano

Os Independent Spirit Award, que premiam os melhores filmes independentes, deram a vitória em toda a linha a «Guia para Um Final Feliz», que conquistou os troféus de Melhor Filme, Realizador, Argumento e Atriz, atribuído a Jennifer Lawrence.

A última paragem antes da cerimónia de entrega dos Óscares são os Independent Spirit Award, atribuídos aos melhores filmes independentes do ano. Na 28ª cerimónia, apresentada por Andy Samberg, o grande vencedor foi «Guia para um Final Feliz», que bateu em toda a linha o outro grande candidato da noite, «Bestas do Sul Selvagem». A fita conquistou assim os troféus de Melhor Filme, Melhor Realizador e Melhor Argumento, ambos para David O. Russell (que em 1995 tinha sido premiado pelo seu filme de estreia, «Spanking the Monkey») e Melhor Atriz, para Jennifer Lawrence.

As regras ditam que para um filme ser nomeável aos Independent Spirit Awards tem de ter um orçamento inferior a 20 milhões de dólares, e «Guia para Um Final Feliz» excedia esse limite em um milhão de dólares, porém o júri que decide as nomeações pode adicionar filmes que considere relevantes e que não cumpram os limites estritos das regras. Foi o que sucedeu este ano com o filme de O. Russell e já acontecera o ano passado com o filme francês «O Artista», que também acabaria por vencer.

«Seis Sessões» foi outro dos vencedores da noite, com John Hawkes e Helen Hunt a levarem para casa, respetivamente, os troféus de Melhor Ator e Melhor Atriz Secundária. O galardão de Melhor Ator Secundário foi para Matthew McConaughey por «Magic Mike».

«Amor» voltou a vencer como Melhor Filme Estrangeiro e o muito elogiado «As Vantagens de Ser Invísivel» foi premiado como Melhor Primeiro Filme.

Eis a lista completa de vencedores:

Melhor Filme: «Guia para um Final Feliz»
Melhor Realizador: David O. Russell por «Guia para um Final Feliz»
Melhor Argumento: David O. Russell por «Guia para um Final Feliz»
Melhor Primeiro Filme: «As Vantagens de Ser Invísivel»
Melhor Primeiro Argumento: Derek Connolly por «Safety Not Guaranteed»
Prémio John Cassavetes (atribuído ao melhor filme feito por menos de $500,000): «Middle of Nowhere»
Melhor Atriz: Jennifer Lawrence por «Guia para um Final Feliz»
Melhor Ator: John Hawkes por «Seis Sessões»
Melhor Atriz Secundária: Helen Hunt por «Seis Sessões»
Melhor Ator Secundario: Matthew McConaughey por «Magic Mike»
Melhor Fotografia: Ben Richardson por «Bestas do Sul Selvagem»
Melhor Documentário: «The Invisible War»
Melhor Filme Internacional: «Amor» de Michael Haneke
Prémio Robert Altman (atribuído ao realizador, diretor de casting e elenco de um filme): «Starlet» - Sean Baker (realizador); Julia Kim (diretora de casting); e Dree Hemingway, Besedka Johnson, Karren Karagulian, Stella Maeve e James Ransone (elenco)
Prémio Piaget Producers: «Stones in the Sun», de Mynette Louie
Prémio Someone to Watch: «Gimme the Loot», de Adam Leon
Premio Stella Artois Truer Than Fiction: «The Waiting Room», de Peter Nicks
Prémio Jameson Find Your Audience: «Breakfast With Curtis», de Laura Colella

Comentários