Artigo

Leonardo DiCaprio vai ter 24 personalidades diferentes

«The Crowded Room», baseado num caso verídico, mostra o caso mais notável de personalidade múltipla já registado.

Leonardo DiCaprio vai tirar férias após a conclusão de «The Revenant», um «western» realizado por Alejandro González Iñárritu, mas foi anunciado que a seguir vai ser o protagonista de «The Crowded Room» [«O Lugar Cheio», em tradução livre).

Baseado no livro de não-ficção «The Minds of Billy Milligan», de Daniel Keyes, o filme estará centrado em Billy Milligan, um homem que não tinha controlo sobre as suas ações por ser atormentado por 24 personalidades distintas, que lutavam pelo domínio do seu corpo. A sua luta culminou com o dia, na década de 70, em que acordou na cadeia, acusado do rapto e violação de três mulheres.

Levado a julgamento, Milligan foi absolvido por insanidade por causa das suas múltiplas personalidades, no que foi a primeira decisão do género.

O caso ainda hoje é considerado o mais notável já registado. Entre as personalidades que existiam em si estavam Philip, um pequeno criminoso; Kevin, um traficante de drogas; April, que queria assassinar o padrasto de Billy; David, um «guardião da dor» de oito anos; Arthur, um inglês; Allen, um vigarista; e Adalana, uma lésbica solitária desejosa de carinho que usava o corpo de Billy nas violações.

As outras personalidades incluíam homens, mulheres e várias crianças, cada uma desempenhando um papel distinto na história, bem como O Professor, um único capaz de as juntar.

DiCaprio tenha concretizar este projeto desde 1997, quando James Cameron chegou a manifestar interesse e John Cusack seria o protagonista. Atualmente não existe qualquer realizador associado, que ainda está na fase de desenvolvimento do argumento.

Comentários