Artigo

"Liga da Justiça" criticado por "reduzir" as roupas das amazonas

Há mais uma polémica nas redes sociais e é sobre as diferenças no que usam as guerreiras em "Mulher-Maravilha" e "Liga da Justiça".

A poucos dias de "Liga da Justiça" chegar às salas de cinema está instalada uma polémica nas redes sociais sobre guarda-roupa.

O realizador Zack Snyder colocou algumas imagens na rede social Vero das esbeltas amazonas no seu filme e a responsável pelo site "Women and Hollywood founder" lembrou-se de comparar os trajes com os de "Mulher-Maravilha".

No filme realizado por Patty Jenkins, com guarda-roupa de Lindy Hemming, pode-se ver que as guerreiras têm mais armaduras e os estômagos cobertos, enquanto os trajes de Michael Wilkinson para "Liga da Justiça" optam pelo couro e os abdominais bem visíveis.

Para Melissa Silverstein, este é mais "um exemplo fantástico da diferença entre o olhar de um homem e de uma mulher".

O assunto tornou-se viral em poucas horas, com muitos a concordarem que se trata de uma sexualização do guarda-roupa.

Entretanto surgiram algumas vozes, principalmente de quem já viu o filme, a defender que a "polémica" é um exagero porque as histórias dos dois filmes decorrem com mil anos de diferença e é natural que exista uma evolução.

Com a publicação de outras imagens menos reveladoras de "Liga da Justiça", agora trocam-se argumentos nas redes sociais sobre a precisão histórica do guarda-roupa usado por mulheres imortais...

Comentários