Artigo

«Madagáscar 2»: Regresso a África

Depois do sucesso alcançado em 2005, todas as adoráveis personagens estão de volta – Alex, o leão, Marty, a zebra, Melman, a girafa e Glória, a hipopótamo, o Rei Juliano, Maurício e os pinguins – em «Madagáscar 2».

Em 2005, dois quartetos de animais saíram do Jardim Zoológico de Nova Iorque e foram parar à ilha africana de Madagáscar.

Um era composto por quatro amigos de longa data, nova-iorquinos de gema, às aranhas num ambiente selvagem que nunca conheceram: o leão vedeta Alex, a zebra tagarela Marty, a girafa hipocondríaca Melman e a dengosa hipopótama Gloria.

O outro integrava quatro pinguins com tendências militaristas, que pareciam saídos de um filme de comandos da Segunda Guerra Mundial.

O filme em que isso sucedeu chamava-se «Madagáscar» e foi um êxito enorme em todo o mundo. Em Portugal, foi o mais visto de 2005.

A sequela era, portanto, quase inevitável e eis que, quatro anos depois, todos eles estão de volta em «Madagáscar 2», desta vez rumando a outras paragens, e com mais algumas personagens a reboque repescadas do filme anterior, nomeadamente Julian, o dançarino rei dos lémures.

Desta feita, a tentativa de regresso a casa é feita numa geringonça voadora que, sem surpresas, aterra de emergência a meio do caminho, em plena selva africana.

O que coloca a bicharada toda novamente em contacto com outra realidade, só que com algumas particularidades pelo meio.

Por um lado, trata-se de uma reserva natural, o que quer dizer que não há problemas com caçadores, por outro, é um verdadeiro regresso às raízes para Alex, que ali reencontra os pais que perdeu em criança.

No meio disto, Melman tenta confessar o seu amor por Gloria, que parece mais interessada num acéfalo mas musculado hipopótamo, e há uma conspiração para roubar o legítimo trono dos animais a Alex.

E como em que equipa que ganha não se mexe, os autores do filme não quiseram deixar de fora uma das personagens que mais sucesso teve no primeiro filme: a aparentemente frágil velhinha que desancava o leão na Grand Central Station nova-iorquina. Aqui ela surge na savana no meio de um grupo de turistas, e as cenas de pancadaria em que se envolve são dignas dos mais elaborados filmes de acção.

A dupla de realizadores, Eric Darnell e Tom McGrath, é a mesma do primeiro filme, e as vozes da versão original voltam todas ao elenco: Ben Stiller como Alex, Chris Rock como Martin, David Schwimmer como Melman, Jada-Pinket Smith como Gloria e Sacha Baron Cohen como Julian. Juntam-se ainda ao grupo nomes como Alec Baldwin como Makumba e o recém-falecido Bernie Mac como Zuba.

A crítica tem-se dividido na apreciação a «Madagáscar 2» mas a audiência está a aderir massivamente, embora porventura sem o entusiasmo que revelou da primeira vez.

Apesar disso, o sucesso de público já permitiu dar luz verde ao terceiro filme da série, a estrear em 2011: Jeffrey Katzenberg, dirigente da DreamWorks Animation, produtora da película, já garantiu que «há pelo menos mais um capítulo. Nós queremos ver as personagens a regressar a Nova Iorque».

Mais sobre o filme

O SAPO falou com dois dos actores portugueses que já tinham participado no primeiro filme, Pedro Laginha e Rui Paulo.

Veja o vídeo da entrevista, aqui.

Saiba mais sobre o filme:

Ficha e trailer

Videoclips musicais:

I Like to Move It

Big and Chunky

Comentários