Artigo

Mel Gibson e Andrew Garfield vão para a guerra

Mel Gibson vai voltar a realizar um filme: chama-se «Hacksaw Ridge» e passa-se na Segunda Guerra Mundial. Andrew Garfield deve ser o protagonista.

Eis o tão aguardado regresso de Mel Gibson como realizador e ainda com um tema que lhe é próximo: o projeto chama-se «Hacksaw Ridge» e relatará a história verídica de um soldado da Segunda Guerra Mundial, Desmond T. Doss, que ganhou a Medalha de Honra do Congresso dos EUA por atos de bravura apesar de se ter recusado pegar em armas por motivos religiosos. Andrew Garfield está na fase final das negociações para assumir o papel.

Recrutado em 1942, Doss recusou matar ou carregar uma arma, acabando por se tornar médico no brutal cenário da guerra no Pacífico. Sem se intimidar pelo ostracismo a que foi votado pelos outros soldados por causa das suas crenças, tornou-se uma lenda quando salvou 75 homens durante a batalha de Okinawa.

Aí, ajudou a evacuar os feridos perto das linhas do inimigo, ficando debaixo de fogo ao tratar de soldados no terreno, acabando, durante uma noite, ferido por uma granada e alvejado por um atirador. Pelos seus atos de bravura, receberia ainda duas condecorações Estrelas de Bronze e três Purple Heart, uma das distinções de maior representatividade no circuito militar norte-americano.

«Hacksaw Ridge» é um projeto que está em desenvolvimento há mais de 13 anos e será o primeiro filme realizado por Mel Gibson desde «Apocalypto» em 2006, ele que ganhou os principais Óscares de 1995 com «Braveheart - O Desafio do Guerreiro».

Comentários