Artigo

Nuno Lopes e "Cinzento e Negro" dominam prémios de cinema da Sociedade Portuguesa de Autores

O filme de Luís Filipe Rocha foi o grande vencedor na categoria de cinema nos prémios Autores 2017.

créditos: SAPO Mag

O filme "Cinzento e Negro", de Luís Filipe Rocha, venceu os prémios Autores 2017 de Melhor Filme e Melhor Argumento, da Sociedade Portuguesa de Autores, e permitiu ainda a distinção de Joana Bárcia, como Melhor Atriz.

O prémio de Melhor Ator, no cinema, foi para Nuno Lopes, pelo desempenho em "Posto Avançado de Progresso", de Hugo Vieira da Silva.

Os prémios Autores 2017, atribuídos pela da Sociedade Portuguesa de Autores (SPA), foram entregues quarta-feira à noite na Gala da SPA, realizada no Centro Cultural de Belém, em Lisboa.

O júri de cinema do Prémio Autores 2017 foi composto por Jorge Leitão Ramos, Rui Tendinha e António Loja Neves (Cinema).

Comentários