Artigo

Orlando Bloom de volta a «Piratas das Caraíbas»

O ator revelou que está em negociações para regressar ao papel de Will Turner, que o popularizou na primeira trilogia.

Durante a sua presença na convenção Comic-Con a decorrer em Brisbane, na Austrália, Orlando Bloom fez a mais inesperada das revelações: que está a ponderar o regresso à saga «Piratas das Caraíbas».

Ainda que não exista nenhuma confirmação oficial do estúdio, o facto de o ator britânico o revelar publicamente indica que as negociações estão já numa fase adiantada: «Certamente que houve algumas conversações sobre isso e estou aberto à ideia. Toda a experiência de trabalhar com o Johnny [Deep] e o [realizador] Gore [Verbinski] foi para mim realmente espantosa.» E acrescentou: «Uma das razões que me levou a aproveitar a oportunidade foi o envolvimento do Johnny. Eu era um enorme fã do Johnny Depp ao crescer, pelo que a oportunidade de ficar tão próximo dele e ver como trabalhava enquanto ator foi simplesmente um gigantesco presente».

A saga «Piratas das Caraíbas» já rendeu 3,7 mil milhões de dólares a nível global só da exploração nas salas de cinema e Orlando Bloom interpretou Will Turner, o ferreiro que se torna pirata, ao lado de Depp e Keira Knightley, na primeira trilogia entre 2003 e 2007, formada por «Piratas das Caraíbas: A Maldição do Pérola Negra», «Piratas das Caraíbas: O Cofre do Homem Morto» e «Piratas das Caraíbas nos Confins do Mundo». Com o fim das suas histórias, as personagens de Bloom e Knightley ficaram de fora de «Piratas das Caraíbas por Estranhas Marés» em 2011.

Depois de sucessivos adiamentos, a rodagem do quinto filme, «Dead Men Tell No Tales», com realização Joachim Rønning e Espen Sandberg (do nomeado aos Óscares «Kon-Tiki»), vai começar em breve em Queensland depois do governo australiano ter aceite passar incentivos fiscais à Disney no valor de mais de 20 milhões de dólares. A continuação será filmada nos estúdios Village Roadshow Studios na cidade de Gold Coast, equipados com vários tanques que se adequam à gigantesca produção. Ao mesmo tempo, o estúdio está a ver vários locais para rodagem de exteriores a norte do estado, nas suas florestas tropicais e na zona da Grande Barreira de Coral. A estreia será no verão de 2017.

Comentários