Artigo

Realizador britânico Bryan Forbes morreu na quarta-feira aos 86 anos

O realizador britânico Bryan Forbes, que dirigiu o clássico de ficção científica da década de 1970 «Mulheres Perfeitas», morreu na quarta-feira aos 86 anos após prolongada doença, informou hoje um porta-voz da família.

Bryan Forbes, casado com a atriz britânica Nanette Newman, morreu rodeado da família na sua casa na localidade de Virgínia Water, no condado de Surrey (nos arredores de Londres), adiantou a mesma fonte.

Nascido a 22 de julho de 1926 em West Ham, no condado de Essex (sudeste de Inglaterra), o realizador, cujo verdadeiro nome era John Theobald Clark, teve duas filhas, a apresentadora de televisão Emma Forbes e a jornalista Sarah Standing.

Estudou na Real Academia de Arte Dramática, mas não completou os estudos e, após cumprir o serviço militar, entre 1945 e 1948, iniciou a sua carreira como ator e mudou de nome, segundo a agência noticiosa espanhola EFE.

Foi ator secundário em vários filmes como «Milionário sem Vintém» (1954) e «O Rapto de Janete»(1956) e em 1961 iniciou a sua carreira como realizador com o filme de terror «Whistle Down the Wind».

Forbes, que constituiu uma companhia de produção com o ator, realizador e produtor britânico Richard Attenborough em 1959, a Beaver Films, tem entre os seus filmes mais destacados «A Fabulosa Troca de Caixões» (1966), «Labirinto de Sentimentos» (1971) e «Mulheres Perfeitas» (1975).

Em 2004 recebeu a Ordem do Império Britânico.

Comentários