Artigo

Realizador espanhol é o favorito para sequela de "Esquadrão Suicida"

Depois de ter "namorado" Mel Gibson, o estúdio está focado noutra solução para ficar à frente da saga com Will Smith e Margot Robbie.

Jaume Collet-Serra é o favorito para ficar à frente da sequela de "Esquadrão Suicida".

O estúdio pensou em vários realizadores para suceder a David Ayer, incluindo Mel Gibson, mas o espanhol está agora à frente da corrida para assumir o comando da importante saga de vilões da DC Comics que tem no elenco atores como Will Smith e Margot Robbie.

Esse filme foi um grande sucesso comercial, mas não foi bem acolhido por muitos fãs e o próprio estúdio admitiu que era desequilibrado.

Natural da Barcelona, Serra, de 43 anos, fez a estreia no cinema com "A Casa de Cera" (2005), mas o filme que chamou a atenção da indústria foi "Órfã" (2009), em que Vera Farmiga e Peter Sarsgaard eram um casal que via começarem a acontecer coisas estranhas depois de adotar uma criança.

Seguiu-se o encontro com Liam Neeson em "Sem Identidade", que correu tão bem que o par voltaria a trabalhar junto em vários títulos de ação: "Non-Stop" (2014) e "Noite em Fuga" (2015). Um quarto filme, "The Commuter", chega em 2018.

O ano passado, "Águas Perigosas", um 'thriller' intenso com Blake Lively como uma surfista que luta pela sobrevivência após sofrer um ataque de um tubarão branco e ficar isolada num rochedo, tornou o realizador um nome ainda mais cobiçado para vários projetos em Hollywood.

Comentários