Artigo

Richard Gere faz 65 anos

De «sex-symbol» em «Oficial e Cavalheiro» e «American Gigilo», a ator respeitado em «A Raiz do Medo» e «Chicago», o ator não dá sinais de se pretender reformar. O SAPO Cinema recorda imagens de uma carreira a entrar na quinta década.

Richard Gere nasceu em Filadélfia, no estado norte-americano da Pensilvânia, há 65 anos: nasceu a 31 de agosto de 1949.

Frequentou Filosofia na Universidade de Massachusetts, mas abandonou o curso ao fim de dois anos e começou a trabalhar em Teatro. A sua estreia profissional aconteceu em 1971 e o seu primeiro grande papel foi na versão de «Grease» apresentada nos palcos de Londres em 1973.

A sua interpretação na peça «Killers Head» em 1974 leva-o ao cinema, começando com papéis secundários em «Relatório ao Comissário» (1975) e «Alma de Herói» (76), mas depressa capta as atenções ao lado de Diane Keaton em «À Procura de um Homem» (77) e em «Dias do Paraíso» (78), que viria a ser o último filme de Terrence Malick em 20 anos.

O galã másculo mas canalha surgiu com «American Gigolo» (80) e «Oficial e Cavalheiro» (82). Nos anos seguintes, vêmo-lo e, projetos em que se procura afastar dessa imagem que definiu uma tendência de moda, mas se alguns filmes foram interessantes ( «Cotton Club»), os resultados comerciais foram todos maus e afundaram a sua carreira.

Os papéis do polícia amoral em «Ligações Sujas» (90) e principalmente o implacável homem de negócios que encontra o amor de forma inesperada em «Pretty Woman: Um Sonho de Mulher» (90) marcaram o regresso e desde então tem conjugado projetos mais próximos da sua sensibilidade artística ou social com outros de cariz mais comercial, com resultados felizes ( «A Raiz do Medo», «Infiel» e «Chicago») ou nem tanto ( «Encruzilhada», «O Chacal» ou «Justiça Vermelha»).

Nos anos mais recentes, encontrou um renovado respeito como ator graças às interpretações em «Golpe Quase Perfeito» (06), «I'm Not There - Não Estou Aí» (07) e principalmente «Arbitrage - A Fraude» (12). Estará de regresso na sequela de «O Exótico Hotel Marigold», que estreia em Portual a 19 de março de 2015.

Reveja as imagens marcantes da carreira de Richard Gere.

Comentários