Artigo

Rutger Hauer quer ser mais jovem num filme de ficção científica português

«RPG» é o título de um filme português que tenta trilhar rumos diferentes: é uma fita de ficção científica, protagonizada por um dos protagonistas de «Blade Runner» e completamente falada em inglês.

«Num futuro não muito longínquo, Steve Battier, um multimilionário idoso e com uma doença terminal, aceita a proposta de uma empresa - RPG - que a troco de um elevado valor monetário oferece a um grupo muito restrito de clientes a possibilidade de voltarem a ser jovens. Durante 10 horas, 10 milionários de todo o mundo, homens e mulheres com fama e poder, vão transferir-se para corpos jovens, atraentes e saudáveis, para viver um rejuvenescimento temporário num jogo muito real de emoções fortes em que a cada hora alguém terá de morrer. No corpo de um homem de 23 anos, voltando a viver os prazeres do sexo e experimentando a adrenalina da violência e do poder sobre a vida e a morte, Steve está disposto a tudo para continuar jovem para sempre… Mas nem sempre aquilo que vivemos é o que parece ser…».

Esta é a sinopse oficial de «RPG», o mais recente filme produzido por Tino Navarro, que desta vez assume também a função de realizador, ao lado de David Rebordão, o jovem cineasta que deu nas vistas com a curta-metragem «A Curva».

O filme é totalmente falado em inglês e tem como figura tutelar o ator holandês Rutger Hauer, imortalizado pelos seus papéis em filmes como «Blade Runner - Perigo Iminente» ou «Terror na Auto-Estrada». Com ele contracenam atores de várias nacionalidades, como Soraia Chaves, Pedro Granger, Alex Wilton Regan e Dafne Fernandez.

A estreia de «RPG» é a 29 de agosto.

Comentários