Artigo

Sylvester Stallone mostra o seu lado de artista na Rússia

Sylvester Stallone inaugurou este domingo uma exposição das suas pinturas inspiradas no Expressionismo abstrato, no prestigiado Museu russo de São Petersburgo, na Rússia.

Apesar da popularidade do ator na Rússia, a exposição que dá a conhecer a sua faceta de artista plástico foi alvo de protestos por parte de uma ala mais conservadora do país, que exigiu o seu cancelamento. Na base da polémica, estão algumas das personagens interpretadas pelo ator que os russos classificam como «antissoviéticas».

Mas nada disso parece ter afetado a inauguração da exposição, que é já um sucesso.

Stallone, de 67 anos, intérprete de lendárias personagens do cinema de ação como Rocky e Rambo, apareceu sorridente na inauguração da sua exposição intitulada «Sylvester Stallone. Arte. 1975-2013».

«Se alguém pensar que a minha presença aqui e essa exposição são um desafio, talvez tenha razão. Sempre aceitei desafios», declarou aos jornalistas.

«Porquê expor Stallone num museu russo? Coloquei a mesma pergunta. Quando vi as reproduções, compreendi que era um verdadeiro pintor», disse à imprensa Vladimir Gussev, diretor do museu que expõe quase exclusivamente arte russa.

Logo na abertura da exposição, mais de mil pessoas fizeram fila para ver as cerca de 30 pinturas de Stallone. O destaque é para o vermelho, cor preferida do ator agora em destaque como pintor.

A exposição dura até meados de janeiro de 2014.

Comentários