Artigo

«Taprobana» candidato a prémios europeus de cinema

A curta-metragem de Gabriel Abrantes está nomeada para os prémios atribuídos pela Academia Europeia de Cinema.

O filme «Taprobana», de Gabriel Abrantes, é candidato aos Prémios Europeus de Cinema, na categoria de curta-metragem, ao lado de 14 outras produções, anunciou a Academia Europeia de Cinema.

«Taprobana», exibido este ano em vários festivais internacionais, é uma ficção, em tons de comédia e de sátira, em torno do poeta Luís Vaz de Camões, deslocado no Oriente, onde se apaixona por Dinamene, uma cortesã chinesa, enquanto escreve a epopeia «Os Lusíadas».

A curta-metragem conta com Natxo Checa, Jani Zhao, João Pedro Vale, André Príncipe e Alexandre Melo no elenco. Gabriel Abrantes, artista plástico e realizador, é autor de filmes como «Zwazo» (2012), «Palácios de Pena» (2011) e «A History of Mutual Respect» (2010).

A Academia Europeia de Cinema atribui anualmente prémios para as melhores produções europeias, em várias categorias, nomeadamente melhor filme, realizador, primeira obra, documentário e representação.

Os nomeados na categoria de melhor curta-metragem são escolhidos por vários festivais europeus. «Taprobana» foi escolhido pelo festival de Berlim.

A Academia Europeia de Cinema anunciará os nomeados de todas as categorias desta 27ª edição a 8 de novembro em Sevilha.

A cerimónia de entrega de prémios terá lugar em Riga, a 13 de Dezembro.

Comentários