Artigo

Stranded Horse actua em Lisboa, Coimbra e Porto

Stranded Horse, projecto do músico francês Yann Tambour, passa por Portugal esta semana para três concertos em Lisboa, Coimbra e Porto.

A acompanhar a sua voz, Stranded Horse, ou Yann Tambour, usa como instrumentos a guitarra e a kora, por vezes simultaneamente.

"Humbling Tides", com lançamento marcado para 14 de Fevereiro, é o segundo álbum deste universo acústico onde se misturam também o violino ou o violoncelo.

O disco segue a fórmula iniciada com o registo de estreia, "Chuming Strides" (2007), e nele podemos ouvir uma fusão de culturas musicais que passam pelo povo Mandinka de África Ocidental, canções folk ancestrais, blues e a “chanson” francesa.

O álbum conta com a participação de Ballaké Sissoko, tocador de kora do Mali que já colaborou com o mestre Toumani Diabaté, e contém uma versão de "What Difference Does It Make?", dos The Smiths.

Stranded Horse actua a 10 de Fevereiro no Clube Ferroviário, em Lisboa; a 11 no Museu Nacional de Machado de Castro, em Coimbra; e a 12 no Passos Manuel, no Porto.

Videoclip de "And the Shoreline it Withdrew in Anger":

Comentários