Pessoa

Alves da Costa

Joaquim Alves da Costa

  • PT

  • Nasceu a 26 de Junho de 1903

  • Faleceu a 04 de Março de 1971

Alves da Costa (Lisboa, 26 de Junho de 1903 – 04 de Março de 1971) era um conhecido actor português de teatro que iniciou a sua carreira no cinema com Reinaldo Ferreira, o célebre Repórter X.

Alves da Costa (Lisboa, 26 de Junho de 1903 – 04 de Março de 1971) era um conhecido actor português de teatro que iniciou a sua carreira no cinema com Reinaldo Ferreira, o célebre Repórter X.

Joaquim Alves da Costa, de seu nome completo, nasce em 26 de Maio de 1903. Trocou a vida comercial pelo teatro, onde se estreia em 1922, pelas mãos de Alves da Cunha, no palco do S. Carlos na peça «Vasco da Gama» de Silva Tavares, no papel de Bastião Tamanino. Foi casado com a actriz Brunilde Júdice. Participou em mais de 300 peças e constitui por duas vezes companhia. O seu trabalho na peça «Todos eram meus filhos», de Artur Miller, valeu-lhe em 1966 o prémio de interpretação instituído pela crítica. No cinema iniciou-se ainda no tempo do mudo, mais precisamente em 1927 com o filme «Táxi 9297» e despediu-se das telas em 1969 com o filme «O Diabo Era Outro». Entrou ao todo em 22 filmes e ganhou dois prémio do SNI para melhor actor com os filmes «Ribatejo» em 1949 e «Um Dia de Vida» em 1962. Morre em Lisboa a 4 de Março de 1971.

Actuou em vários filmes célebres entre as décadas de vinte e sessenta.

Adaptado de Sapo Saber a 17-02-2010

Comentários