Pessoa

Irene Cruz

Irene Cruz

  • PT

  • Nasceu a 06 de Setembro de 1943

Irene Cruz (Sacavém, 6 de Setembro de 1943) é uma actriz portuguesa.

Irene Cruz (Sacavém, 6 de Setembro de 1943) é uma actriz portuguesa.

Estreou-se no teatro em 1959 interpretando uma peça do suíço Friedrich Dürrenmatt, A Visita da Velha Senhora no Teatro Nacional D. Maria II (Companhia Amélia Rey Colaço - Robles Monteiro). Por volta de 1960 colabora na Companhia de Teatro Infantil O Gerifalto, interpretando variadíssimas peças sob a direcção de A. Manuel Couto Viana, nos Teatros Monumental e Trindade. Conclui em 1961 o Curso de Teatro do Conservatório Nacional, após o que interpreta na Companhia Nacional de Teatro O Príncipe de Honburgo de Kleist e O Pai de Strindberg.

Passou pelo teatro musical no Parque Mayer, até 1963, trabalhando junto de Eugénio Salvador, Ribeirinho ou Aida Baptista. Foi uma das fundadoras do Teatro Aberto, em Lisboa, em 1974, tendo aí interpretado, na peça inaugural, o papel de Grucha Vashnadze em O Círculo de Giz Caucasiano de Bertolt Brecht.

Depois de várias peças de teatro para televisão, tem participado mais recentemente, em diversos trabalhos da estação TVI, designadamente nas novelas Todo o Tempo do Mundo ( 1998), Jardins Proibidos ( 2000), Filha do Mar ( 2001), Tudo por Amor ( 2002), Baía das Mulheres ( 2004) e Os Serranos ( 2005), bem como ainda no telefilme da SIC, Aniversário, de Mário Barroso ( 2000).

No cinema participou em filmes de Jorge Brum do Canto ( Retalhos da Vida de Um Médico - 1962 e Fado Corrido - 1964) e Augusto Fraga ( Raça - 1961).

Com experiência também no campo do ensino, em Portugal e no estrangeiro, foi agraciada pelo Presidente da República Jorge Sampaio com a Cruz de Grande Oficial da Ordem do Infante D. Henrique, em 8 de Março de 2002, Dia Internacional da Mulher. É irmã da também actriz Henriqueta Maia.

Adaptado de Sapo Saber a 20-02-2010

Comentários