Pessoa

Sofia Sá da Bandeira

  • PT

  • Nasceu a 22 de Junho de 1964

Sofia de Freitas Branco de Sá da Bandeira (n. Lisboa, 22 de Junho de 1964), actriz portuguesa.

Sofia de Freitas Branco de Sá da Bandeira (n. Lisboa, 22 de Junho de 1964), actriz portuguesa.

Neta do musicólogo João de Freitas Branco e bisneta do compositor Luís de Freitas Branco, foi aluna de Filosofia na Universidade Católica, tendo concluído o Curso de Formação de Actores da Escola Superior de Teatro e Cinema.

No teatro salienta a participação em A Importância de ser Ernesto, de Oscar Wilde, numa encenação de Filipe La Féria. Trabalhou maioritariamente em televisão, popularizando-se em séries e novelas como Vila Faia, (2007), O Processo dos Távoras (2001), Café da Esquina (2000), João Nicolau Breyner (2000), Ecoman (1999), A Grande Aposta (1997), Filhos do Vento (1997), Reformado e Mal Pago (1996), Polícias (1996), Primeiro Amor (1996), Roseira Brava (1995), Desencontros (1994), Na Paz dos Anjos (1994), Cinzas (1992), A Árvore (1991), Claxon (1991), entre outras. No cinema estreou-se com uma curta aparição em Non ou a Vã Glória de Mandar, filme de Manoel de Oliveira em 1990, participando depois em O Passeio de Cristina Hauser (2000) e O Milagre Segundo Salomé de Mário Barroso (2004). Em 1996 integrou o elenco da co-produção internacional La Leyenda de Balthasar el Castrado de Juan Miñón.

Foi casada com o actor Nicolau Breyner em 1996.

Retirado de Sapo Saber a 09-11-2009

Comentários