Artigo

Djodje encheu o Coliseu dos Recreios com ministro da Cultura cabo-verdiano a assistir

Djodje prepara-se para lançar em breve o quarto álbum a solo, e nada melhor para ganhar “balanço” do que encher o Coliseu de Lisboa até este rebentar pelas costuras. Nem o ministro cabo-verdiano da Cultura e Indústrias Criativas, Abraão Vicente, faltou na noite de do passado sábado.

Longe vai o tempo em que Lisboa estranhava a música que vinha do continente africano, atirando-a para as franjas de um público que tinha as suas raízes em África. Mas uma vez entranhado o ritmo, agora pouco importa a nacionalidade, cor da pele, género ou idade de quem quer ouvir os sons que chegam de países como Cabo Verde. Que o diga a enchente de espectadores que abarrotou o Coliseu dos Recreios para ver ao vivo a grande sensação do momento, Djodje. Reveja aqui a entrevista que o SAPO fez ao artista, antes do concerto.

A voz e sensualidade de Josslyn marcou o ritmo antes da entrada em palco de Fernando Jorge Marta Silva (falamos de Djodje, pois claro). Entre os convidados que cantaram depois com o artista radicado em Portugal estão Ferro Gaita, Ricky Boy, Dynamo, Nelson Freitas, Mika Mendes e Loony Johnson.

Para dar um toque de solenidade ao espectáculo, Abraão Vicente, ministro da Cultura e Indústrias Criativas de Cabo Verde, marcou presença entre o público.

Comentários