Artigo

«A Guerra dos Tronos»: como tornar um livro numa temporada?

25.03.2013

Planear tudo ao pormenor mas estar preparado para aceitar mudanças: esta é, sucintamente, a base para transpor «A Guerra dos Tronos» dos livros para o pequeno ecrã, conta Bryan Cogman, editor executivo e guionista.

Prestes a regressar à televisão, a saga dos Sete Reinos de Westeros pode acompanhar-se a partir de 8 de abril, no Syfy, canal que estreia em Portugal a terceira temporada da série norte-americana.

"De certa forma, esta temporada é mais intimista. Há muitas cenas onde nos colocamos na pele das personagens e descobrimos o que as faz tremer", revela Bryan Cogman, que tem a responsabilidade de "manter a coerência da mitologia", função que pode tornar-se hercúlea tendo em conta a quantidade de personagens que vão surgindo em quase todos os episódios. Mas apesar dessa profusão de figuras, (sub)enredos e cenários, o editor executivo e guionista garante que o processo é mais fluído do que pode parecer à partida:

Comentários