Artigo

"A Guerra dos Tronos" pode fazer história nos Emmys este domingo

A fantasia épica pode entrar para a história da televisão neste domingo caso se converta na série de ficção mais premiada desde que os prémios foram criados.

"A Guerra dos Tronos" já acumula 35 Emmys nas suas seis temporadas, incluindo os nove que recebeu no passado fim de semana dos Creative Arts Emmys, que premeiam as categorias técnicas.

Mas na cerimónia de entrega do prémio no domingo, em Los Angeles, a produção da HBO poderá superar os 37 Emmys conquistados pela sitcom "Frasier", tornando-se assim na série mais premiada desde que essa distinção surgiu pela primeira vez, em 1949.

"Essa deve ser a noite de 'A Guerra dos Tronos'", avalia Chris Beachum, editor do portal de prognósticos Goldderby.com.

"A série deve ganhar pelo menos três troféus e bater o recorde", prevê também Debra Birnbaum, editora executiva da revista Variety.

"Saturday Night Life", da NBC, há décadas em cartaz nos EUA, ostenta o recorde dos recordes, com 48 estatuetas.

Por outro lado, a série de espionagem "The Americans" poderá ser a grande surpresa da noite. Aclamada pela crítica, tem os protagonistas, Matthew Rhys e Keri Russell, entre os favoritos nas categorias melhor ator e atriz dramáticos.

Os especialistas, no entanto, apostam que Robin Wright é a candidata natural a este prémio, já que é nomeada pela quarta vez pelo seu papel de Claire Underwood em "House of Cards".

"Há quase um suspense igual na competição por melhor ator", destaca Tom O'Neil, fundador do Goldderby.com.

A estrela de "House of Cards" Kevin Spacey nunca ganhou um Emmy por encarnar o ambicioso político Frank Underwood.

Julia Louis-Dreyfus, por sua vez, é a eterna favorita para melhor atriz cómica graças à sua interpretação de uma presidente dos Estados Unidos incompetente em "Veep" e, no domingo, poderá conquistar o seu quinto Emmy consecutivo. Em 2006, a atriz ganhou um Emmy na mesma categoria por "The New Adventures of Old Christine" e, se vencer desta vez, vai bater o recorde de Candice Bergen com "Murphy Brown".

A 68ª cerimónia dos Emmys decorre no Microsoft Theatre de Los Angeles com apresentação do comediante Jimmy Kimmel, que é o anfitrião dos prémios da televisão norte-americana pela segunda vez. Fique a par da lista de nomeados.

Comentários