Artigo

A Serra da Estrela está à distância de um clique

Um canal de televisão na internet para a Serra da Estrela aposta na valorização de “uma região que está a ficar esquecida”, contribuindo para inverter esta tendência, disse hoje à agência Lusa o jornalista responsável pelo projeto.

Paulo Leitão, também fundador do canal Centro TV, com sede em Oliveira do Hospital, que emite também através da internet, salientou que “depois do desaparecimento da Região de Turismo da Serra da Estrela e sua inserção no Turismo do Centro” aquele território do interior "tem perdido população e ficado órfão em termos informativos”.

“Sentia-se a necessidade de um canal como este”, que se propõe “fazer um serviço público”, com vídeo, fotografia e texto, dirigido aos concelhos da Guarda, Manteigas, Gouveia, Seia, Celorico da Beira e Covilhã, afirmou.

O Canal Serra da Estrela, a funcionar desde a semana passada, “é uma nova plataforma agregadora de notícias sobre a maior montanha portuguesa”, acrescentou o jornalista.

A Centro TV dispõe atualmente de quatro trabalhadores e “poderá vir a aumentar” o quadro de pessoal “se o novo projeto correr bem”, disse.

Trata-se, segundo Paulo Leitão, de "uma submarca da Centro TV que tem um espaço próprio dentro do sítio www.centrotv.pt e numa página do Facebook – www.facebook.com/canalserradaestrela – só com informação desta região”.

@Lusa

Comentários