Artigo

Emmys 2015: "A Guerra dos Tronos" segue à frente com 24 nomeações

"A Guerra dos Tronos" segue à frente na corrida aos Emmys com 24 nomeações, foi anunciado nesta quinta-feira.

"A Guerra dos Tronos" segue à frente na corrida aos Emmys com 24 nomeações, anunciou a Academia de Artes & Ciências Televisivas nesta quinta-feira.

Com a quinta temporada, a produção da HBO inspirada na saga de George R. R. Martin volta a ser, nesta fase, a mais destacada pelos prémios da indústria televisiva norte-americana, conseguindo mais cinco nomeações do que as da edição do ano passado.

Outras concorrentes fortes são "American Horror Story”, com 19 nomeações, e "House of Cards", "Mad Men" e "Transparent", com 11 cada. Por outro lado, "Empire", cuja primeira temporada foi um sucesso nos EUA, conta apenas com três nomeações.

Se a preferência da Academia pelas aventuras de Westeros não foi novidade, tal como a distinção de três das outras séries mais elogiadas do momento, há algumas surpresas a registar na lista de nomeados. É o caso da nomeação de Tatiana Maslany, protagonista de "Orphan Black", uma das ausências mais comentadas na nomeações dos últimos anos e que não passou despercebida nas primeiras reações nas redes sociais. Outro exemplo, também na categoria de Melhor Atriz numa Série Dramática, são as nomeações de Taraji P. Henson, por "Empire", e Viola Davis, por "Como Defender um Assassino", que podem marcar a primeira vez em que uma afro-americana ganha o galardão.

Mas há mais novidades. Este ano, as categorias de melhor série passam a ter sete nomeados em vez de seis, as séries com episódios de uma hora são automaticamente consideradas dramas e as que têm capítulos de 30 minutos concorrem na categoria de comédia.

A cerimónia da 67ª edição dos Emmys vai decorrer a 20 de setembro e será apresentada por Andy Samberg.

Lista completa de nomeados:

Melhor Série Dramática:
“Downton Abbey” (PBS)
“A Guerra dos Tronos” (HBO)
“Mad Men” (AMC)
“House of Cards” (Netflix)
“Orange is the New Black” (Netflix)
“Segurança Nacional” (Showtime)
“Better Call Saul” (AMC)

Melhor série cómica:
“Louie” (FX)
“Uma Família Muito Moderna” (ABC)
“Parks and Recreation” (NBC)
“Veep” (HBO)
“Silicon Valley” (HBO)
“Transparent” (Amazon)
“Unbreakable Kimmy Schmidt” (Netflix)

Melhor Ator numa Série Dramática:
Kevin Spacey “House of Cards” (Netflix)
Jon Hamm “Mad Men” (AMC)
Jeff Daniels “The Newsroom” (HBO)
Bob Odenkirk “Better Call Saul” (AMC)
Kyle Chandler “Bloodline” (Netflix)
Liev Schreiber “Ray Donovan” (Showtime)

Melhor Atriz numa Série Dramática:
Claire Danes “Segurança Nacional” (Showtime)
Viola Davis “Como Defender um Assassino” (ABC)
Taraji P. Henson “Empire” (Fox)
Tatiana Maslany “Orphan Black” (BBC America)
Elisabeth Moss “Mad Men” (AMC)
Robin Wright “House of Cards” (Netflix)

Melhor Ator numa Minissérie ou Filme:
Richard Jenkins “Olive Kitteridge” (HBO)
Adrien Brody “Houdini” (History)
Mark Rylance “Wolf Hall” (PBS)
Timothy Hutton “American Crime” (ABC)
Ricky Gervais “Derek: The Final Chapter” (Netflix)
David Oyewelo “Nightingale” (HBO)

Melhor Atriz numa Minissérie ou Filme:
Frances McDormand “Olive Kitteridge” (HBO)
Maggie Gyllenhaal The Honorable Woman (SundanceTV)
Queen Latifah “Bessie” (HBO)
Emma Thompson “Sweeney Todd: Live From Lincoln Center” (PBS)
Jessica Lange “American Horror Story: Freak Show” (FX)
Felicity Huffman “American Crime” (ABC)

Melhor Ator numa Série de Comédia:
Matt LeBlanc “Episodes” (Showtime)
Don Cheadle “House of Lies” (Showtime)
Louis C.K. “Louie” (FX)
William H. Macy “Shameless” (Showtime)
Jeffrey Tambor “Transparent” (Amazon)
Anthony Anderson “Black-ish” (ABC)
Will Forte “Last Man on Earth” (Fox)

Melhor Atriz numa Série de Comédia:
Lena Dunham “Girls” (HBO)
Edie Falco “Nurse Jackie” (Showtime)
Amy Poehler “Parks and Recreation” (NBC)
Julia Louis-Dreyfus “Veep” (HBO)
Amy Schumer “Inside Amy Schumer” (Comedy Central)
Lily Tomlin “Grace and Frankie” (Netflix)

Melhor Reality Show/Concurso:
“The Amazing Race” (CBS)
“Dancing With the Stars” (ABC)
“Project Runway” (Lifetime)
“So You Think You Can Dance” (Fox)
“Top Chef” (Bravo)
“The Voice” (NBC)

Melhor Programa de Variedades:
“The Colbert Report” (Comedy Central)
“The Daily Show With Jon Stewart” (Comedy Central)
“Last Week Tonight With John Oliver” (HBO)
“Jimmy Kimmel Live” (ABC)
“The Tonight Show Starring Jimmy Fallon” (NBC)
“Late Show With David Letterman” (CBS)

Melhor minissérie:
“Olive Kitteridge” (HBO)
“American Crime” (ABC)
The Honorable Woman (Sundance)
“American Horror Story: Freak Show” (FX)
“Wolf Hall” (PBS)

Melhor Série de Variedades com Sketches:
“Drunk History” (Comedy Central)
“Inside Amy Schumer” (Comedy Central)
“Key & Peele” (Comedy Central)
“Portlandia” (IFC)
“Saturday Night Live” (NBC)

Melhor telefilme:
“Agatha Christie’s Poirot: Curtain, Poirot’s Last Case” (Acorn TV)
“Bessie” (HBO)
“Grace Of Monaco” (Lifetime)
“Hello Ladies: The Movie” (HBO)
“Killing Jesus” (National Geographic Channel)
“Nightingale” (HBO)

Melhor Ator Secundário numa Série Dramática:
Jonathan Banks “Better Call Saul” (AMC)
Ben Mendelsohn “Bloodline” (Netflix)
Jim Carter “Downton Abbey” (PBS)
Peter Dinklage “A Guerra dos Tronos” (HBO)
Alan Cumming “The Good Wife” (CBS)
Michael Kelly “House Of Cards” Netflix

Melhor Atriz Secundário numa Série Dramática:
Joanne Froggatt “Downton Abbey” (PBS)
Lena Headey “A Guerra dos Tronos” (HBO)
Emilia Clarke “A Guerra dos Tronos” (HBO)
Christine Baranski “The Good Wife” (CBS)
Christina Hendricks “Mad Men” (AMC)
Uzo Aduba “Orange Is The New Black” (Netflix)

Melhor Ator Convidado numa Série Dramática:
Alan Alda “The Blacklist” (NBC)
Michael J. Fox “The Good Wife” (CBS)
F. Murray Abraham “Segurança Nacional” (Showtime)
Reg E. Cathey “House Of Cards” (Netflix)
Beau Bridges “Masters Of Sex” (Showtime)
Pablo Schreiber “Orange Is The New Black” (Netflix)

Comentários