Artigo

«Family Guy» ressuscita Brian como milagre de Natal

Os fãs de "Family Guy" comemoraram nesta segunda-feira a ressurreição do cão Brian, que morreu em novembro e está na série desde a sua estreia, em 1999.

O criador da série, Seth MacFarlane, falou sobre os rumos da trama na sua conta no Twitter depois de Brian aparecer no episódio que foi para o ar no domingo nos Estados Unidos.

"Assim termina a nossa triste e confusa lição para este período de festas: 'Nunca desvalorizem os vossos entes queridos, pois eles podem desaparecer num instante'", escreveu. "Vocês nunca acreditaram mesmo que mataríamos o Brian, não é? Meu Deus, não... só se estivéssemos drogados", continuou.

Brian morreu atropelado por um carro no episódio "A vida de Brian", transmitido a 24 de novembro. O resultado da morte foi uma petição online e uma avalanche de comentários nas redes sociais, incluindo os mais de 120 mil "likes" que a página "RIP Brian Griffin Family Guy" recebeu.

Os Griffin substituíram Brian por um novo cão chamado Vinny, que no episódio deste domingo ajudou a ressuscitar o antecessor numa viagem no tempo com Stewie, o bebé de sotaque britânico da família.

Quando Stewie salvou Brian de ser atropelado por um carro, o cão disse: "Obrigado por salvares a minha vida". E acrescentou: "muitas outras famílias teriam conseguido outro cão e seguido adiante".

Os criadores de "Os Simpsons" já disseram que uma das suas personagens morrerá durante a temporada atual, a 25ª. O anúncio gerou várias críticas e especulações sobre quem vai deixar Springfield.

@AFP

Comentários