Artigo

Josh Holloway é a arma secreta de «Inteligência»

"Inteligência" (ou "Intelligence", no original), drama de ficção científica distribuído pela ABC, chega à FOX a 29 de janeiro, às 22h15, a uma distância de três semanas da estreia nos Estados Unidos, ocorrida a 7 de janeiro.

Um dos trunfos desta série é o seu protagonista, Josh Holloway, ator que ficou mundialmente conhecido pela sua personagem de Sawyer na série "Perdidos" e que está agora de volta ao pequeno ecrã. Ao seu lado conta com Marg Helgenberger, a investigadora forense Catherine Willows de "CSI: Crime e Investigação".

Para além destes dois atores participam também nesta produção Meghan Ory, que começou a lançar a sua carreira como atriz ao desempenhar o papel de Juliette, a adolescente problemática no drama juvenil "Higher Ground" e marca também presença na série "Era Uma Vez..." como a personagem de Ruby. Meghan será a parceira de Josh Holloway na luta contra o crime e a sua guarda-costas pessoal. A fazer parte do elenco está também Lance Reddick, ator que ficou conhecido pelo seu papel de Phillip Broyles em "Fringe".

Sinopse da série:

Gabriel (Josh Holloway) é um operacional high-tech optimizado com um microchip de um super computador que está instalado no seu cérebro. Com este implante, o protagonista é o primeiro humano a estar diretamente conectado com toda a informação global e a ter acesso completo à internet, ao wireless, ao telefone e a dados de satélite. Ele consegue entrar em qualquer centro de dados e aceder a informações-chave para proteger os Estados Unidos dos seus inimigos.

A liderar a agência de segurança cibernética governamental criada para apoiar Gabriel está a diretora Lillian Strand (Marg Helgenberger), uma directa e eficiente chefe que supervisiona todas as missões da sua unidade. Strand contrata Riley Neal (Meghan Ory), uma agente dos serviços secretos que tem a tarefa de proteger Gabriel de possíveis ameaças, assim como tentar travar o seu comportamento imprudente, imprevisível e descuidado que quebra todos os protocolos. A fazer também parte desta equipa está Chris Jameson (Michael Rady), um investigador federal repleto de recursos.

O cérebro por detrás da criação do chip é o Dr. Shenandoah Cassidy (John Billingsley), cujo filho, Nelson (PJ Byrne), tem inveja do lugar proeminente que Gabriel ocupa na vida do seu pai. Sendo o primeiro super computador com batimentos cardíacos, Gabriel é a peça tecnológica mais valiosa do país alguma vez criada que se torna na arma secreta dos Estados Unidos.

Comentários