Artigo

Manuela Moura Guedes afastada da TVI há oito anos: "O sentimento de injustiça não passa"

Manuela Moura Guedes saiu da TVI em 2009.

Afastada do jornalismo há oito anos, Manuela Moura Guedes falou com Cristina Ferreira sobre a polémica que envolveu o antigo primeiro-ministro José Sócrates e que ditou a sua saída da TVI. Em entrevista à revista da apresentadora, a antiga pivot da TVI confessou que o sentimento de injustiça "não passa".

"Não foi fácil, as outras coisas. O sentimento de injustiça foi muito difícil e continua. Isso é muito difícil e acho que vai continuar até ao final da vida. Isso não passa. Eu tenho pesadelos com isso e há dois dias tive um pesadelo com isso", confessou, acrescentando que a "história está a provar" que tinha razão.

"É o sentimento de ter a consciência de fazer aquilo que devia ser feito e que a história agora está a provar. Deixei de poder exercer a minha profissão por fazer aquilo que devia fazer, que era retratar o que se passava em Portugal, a retratar o que passava com a classe política e, nomeadamente, com com um primeiro-ministro", sublinhou Manuela Moura Guedes.

Veja um excerto da entrevista:

Comentários