Artigo

"Narcos": Porque é que Pablo Escobar foi o primeiro protagonista?

A Netflix partilhou um vídeo dos bastidores de "Narcos", série sobre Pablo Escobar, o maior nacrotraficante da história.

No vídeo de making of partilhado pelo serviço de streaming, José Padilha, realizador e produtor de "Narcos", explica porque é que as duas primeiras temporadas da série foram centradas no narcotraficante colombiano. "É um facto histórico que o Pablo Escobar e o cartel de Medellín foram os responsáveis pela entrada de cocaína nos Estados Unidos e na Europa. Na verdade, não escolhi começar com Escobar. Começou com o Escobar, na vida real", frisa o produtor.

Wagner Moura e Pedro Pascal também comentam no vídeo as primeiras duas temporadas da série original da Netflix.

O serviço de streaming de vídeo online já confirmou a terceira e quarta temporada de "Narcos".  Tal como revelado por Wagner Moura, que dá corpo a Pablo Escobar na série, o narcotraficante morre no final da segunda temporada. Os novos episódios vão continuar depois da morte de "El Patron" e serão protagonizados por Gilberto Orejuela (Damián Alcázar), o líder do Cartel de Cali, conhecido como " El Ajedrecista".

O colombiano fundou o cartel de Cali em 1970, como os seus dois irmãos, Miguel e José Londoño. Orejuela era conhecido por preferir subornar os seus inimigos em vez de recorrer à violência, sendo visto por muitos como um empresário de respeito da região.

Atualmente, Gilberto Rodríguez Orejuela cumpre uma pena numa prisão de segurança média nos Estados Unidos.

José Padilha ("Tropa de Elite" e "RoboCop") e Eric Newman ("Children of Men") mantêm-se como produtores executivos da série.

Veja o making of de "Narcos":

Comentários