Artigo

Netflix com forte alta na Bolsa após especulações sobre entrada na China

As ações do Netflix ultrapassaram pela primeira vez, nesta sexta-feira, os 600 dólares durante a sessão, após a divulgação na imprensa de que o grupo poderá entrar no mercado chinês.

De acordo com o The Wall Street Journal, o Netflix está a negociar para entrar na China.

"Adoraríamos cooperar com o Netflix, dada sua influência mundial", declarou Xu Feng, vice-presidente da BesTV New Media, sociedade de Xangai, citado pelo jornal norte-americano. "Mas estamos conscientes dos obstáculos, fundamentalmente relativos às restrições sobre os conteúdos estrangeiros na internet", acrescentou.

Segundo o jornal, o Netflix também negociou com a Wasu Media Holding, uma sociedade que conta entre os seus acionistas com o presidente do Alibaba, Jack Ma.

O Netflix não confirmou esta informação. "Já dissemos que queremos ser o mais globalizados possível no final de 2016", ressaltou nesta sexta-feira o diretor de comunicação da empresa californiana, Jonathan Friedland. "Além disso, não comentamos rumores e especulações".

O grupo acaba de lançar seu serviço na Austrália e na Nova Zelândia e pretende fazer o mesmo no Japão antes do final do ano.

@AFP

Comentários