Artigo

"One Big Happy" 01×01 – Pilot

Contém Spoilers

E chega-nos mais um novo piloto, desta vez lançado pela NBC e produzido por Ellen DeGeneres. "One Big Happy" é uma série que nos conta a vida de uma lésbica que vive com o melhor amigo e decidem ter um filho juntos porque já têm mais de 30 anos. Claro que para dificultar tudo, o amigo mulherengo acaba por apaixonar-se e ter um casamento relâmpago com uma Inglesa.

Este primeiro episódio conta a forma como Lizzy, a lésbica e Luke estão entusiasmados com a ideia de serem pais, mas ficam desiludidos quando o teste dá negativo. Decidem ir até um bar para desanuviar e apanhar uma grande borracheira. Lá, Luke conhece a Prudence e é amor à primeira vista. É uma relação com um prazo de validade visto que ela está de partida para Inglaterra, vai ser deportada. Ele passa os melhores dias da vida dele, com ela sempre a dormir na sua casa e a passar todos os momentos possíveis com ele.

Prudence é uma mulher muito atraente e com poucas reservas. Tanto assim é que acaba por andar nua pela casa e pôr-se completamente à vontade. Ela e Lizzy não se dão muito bem pois são o oposto uma da outra. Uma completamente livre de preconceitos e a outra completamente rígida

Lizzy acaba por fazer várias cenas de ciúmes a Luke e acaba por ficar mesmo chateada quando ele anúncia que fugiram para Las Vegas e se casaram. Ela fica perplexa e escolhe esse preciso momento para anúnciar que está grávida! Luke fica em êxtase, e Prudence também, pelo menos até perceber que o filho é também do seu recente marido!

Lizzy mostra-se irredutivel quanto ao facto de não haver um lugar para Prudence na sua casa e nas suas vidas e esta decide acabar tudo com Luke e partir para a sua terra natal. Lizzy acaba por se sentir mal com a sua posição e corre para o aeroporto para a impedir de ir embora. Tudo acaba por correr bem, e eles decidem tentar fazer com que esta estranha relação a três funcione!

Foi um episódio divertido. Gosto bastante dos atores que dão vida a Lizzy e a Luke (Elisha Cuthbert e Nick Zano). Acho que formam uma boa dupla e têm uma boa dinâmica. Não conhecia a Kelly Brook, não desgostei dela como atriz, mas não fiquei inteiramente convencida com a dinâmica do trio. O plot é algo novo e pode vir a dar alguns frutos. No entanto, creio que para primeiro episódio podia ter sido melhor e deixou algo a desejar. As piadas podiam ter sido melhores e mais bem exploradas. Sinceramente não sei se é uma série com potencial para avançar para uma renovação!

Nota: 7/10

Ana Rodrigues

Artigo do parceiro

Comentários