Devido ao seu sucesso, "The Killing: Crónica de um Assassinato" deu origem a um remake nos Estados Unidos. Além dos prémios, a série viu ainda a sua qualidade reconhecida pela crítica internacional, com – por exemplo – o The Guardian a afirmar tratar-se do “melhor produto televisivo dos últimos anos” e o The Times a acrescentar que esta série é “a mais fascinante exportação da Dinamarca”.

A protagonista de "The Killing: Crónica de um Assassinato" é a Inspetora-Chefe do Departamento de Polícia de Copenhaga Sarah Lund (interpretada por Sofie Gråbøl, nomeada em 2007 para um Emmy de Melhor Actriz graças a este papel).

Cada temporada desta série é dedicada ao seguimento de um único caso criminal. Assim, nesta terceira e última temporada, a protagonista parece ter encontrado finalmente paz com a perspetiva de um novo cargo e uma nova casa. Mas aquilo que inicialmente parecia ser um caso de homicídio como muitos outros nas docas do porto de Copenhaga vai acabar por estragar os seus planos: com os serviços secretos dinamarqueses a suspeitarem de que esse crime aparentemente isolado pode fazer parte de um plano para assassinar o Primeiro-Ministro do país, que está a meio de um turbulento processo de reeleição devido à grave crise financeira, a investigação liderada pela Inspetora-Chefe vai acabar por chegar a um impasse, no meio de uma encruzilhada de interesses financeiros e políticos, até que a descoberta de um obscuro segredo irá pôr em causa todos os envolvidos.

No último episódio desta terceira temporada, que marca também o final da produção dinamarquesa, o raptor concorda em levar a polícia até Emilie e estão agora num helicóptero a caminho de um destino desconhecido.

Newsletter

Fique a par de todas as novidades do SAPO Mag. Semanalmente. No seu email.

Notificações

Os temas quentes do cinema, da TV e da música estão nas notificações do SAPO Mag.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.