Artigo

George Clooney leva pin "Je Suis Charlie" aos Globos de Ouro

Ao receber o prémio de carreira durantes os Globos de Ouro, o ator americano George Clooney garantiu que os ataques em Paris não vão conseguir deixar as sociedades com medo. "Não teremos medo", garantiu o ator.

"Milhões de pessoas manifestaram-se em Paris e em todo o mundo. Eram cristãos, judeus e muçulmanos. Havia líderes de países de todo o mundo e não marcharam em sinal de protesto. Marcharam para apoiar a ideia de que não teremos medo", disse Clooney, que encerrou o seu discurso com as palavras "Je suis Charlie".

Clooney e sua mulher, Amal, assim como Helen Mirren, Kathy Bates e Diane Kruger, compareceram à cerimónia com cartazes e pins com a inscrição "Je Suis Charlie".

O ator foi o homenageado deste ano com o prémio de carreira.

"É sempre divertido vir aqui e colocar os assuntos em dia com velhos amigos", comentou.

Comentários