Barbara

Barbara

Barbara

Barbara

Verão de 1980 na RDA: a doutora Barbara solicitou uma autorização para sair do país. Mas em vez disso, é sujeita a um processo disciplinar e transferida da capital para um pequeno hospital de província.

Verão de 1980 na RDA: a doutora Barbara solicitou uma autorização para sair do país. Mas em vez disso, é sujeita a um processo disciplinar e transferida da capital para um pequeno hospital de província. Jörg, o seu amante da Alemanha Ocidental, prepara a fuga de ambos pelo Mar Báltico. Barbara espera. A sua nova casa, os vizinhos, o Verão e o campo, já não exercem grande influência obre ela. Barbara trabalha na secção de cirurgia infantil sob a direcção do seu novo chefe André. É atenciosa para com os pacientes, mas distante com os seus colegas. O futuro de Barbara começa mais tarde. Mas André causa-lhe confusão. A sua confiança nas aptidões profissionais dela, a sua dedicação, o seu sorriso. Porque que é que ele esconde a sua preocupação com a fugitiva Stella? Estará ele incumbido de a vigiar? Ou apaixonado por ela? Barbara começa a perder o controle. Sobre si própria, sobre os seus planos, sobre o amor. E o dia da planeada fuga aproxima-se cada vez mais depressa.

Reparámos que tem um Ad Blocker ativo.

A informação tem valor. Considere apoiar este projeto desligando o seu Ad Blocker.

Pode também apoiar-nos subscrevendo a nossa ou seguindo-nos nas redes sociais Facebook, Instagram e Twitter.