Respira

Respire

Respira

Respire

Entre duas colegas adolescentes nascem laços de amizade que com o tempo se transformam em equívoco e deceção.

Charlie encontra-se apanhada no turbilhão dos seus 17 anos. Um turbilhão de amigos, emoções, convicções... e também paixões. Uma adolescente quase como outra qualquer. Já não é criança, mas está longe de ser um adulto. Talentosa e bonita, ainda se sente presa a dúvidas e decepções. À solidão. É então que chega Sarah. A nova rapariga do liceu, bonita e audaciosa. Uma personagem, uma estrela imediata; nas aulas, em festas, com rapazes e raparigas. Mesmo para os pais, Sarah é uma lufada de ar fresco... Sarah escolhe Charlie. E Charlie alinha. Charlie ri. Charlie sente-se cheia de vida. Intensa e irreparavelmente. Mas rapidamente, Sarah farta-se. É do tipo de pessoa que deita fora as pessoas de quem se desinteressa... e escolhe outro amigo, outra vítima. Charlie sente-se perdida. É natural. Charlie está ferida. E será fatal.

Reparámos que tem um Ad Blocker ativo.

A informação tem valor. Considere apoiar este projeto desligando o seu Ad Blocker.

Pode também apoiar-nos subscrevendo a nossa ou seguindo-nos nas redes sociais Facebook, Instagram e Twitter.