Solo

Solo

Solo

Solo

A serra arde sob o calor de Agosto. Uma bombeira cai, engolida pelo solo. O corpo quebrado sobrevive como pode. Lá fora, a noite desce.

A serra arde sob o calor de Agosto. Uma bombeira cai, engolida pelo solo. O corpo quebrado sobrevive como pode. Lá fora, a noite desce.

Interpretação
Realização

Reparámos que tem um Ad Blocker ativo.

A informação tem valor. Considere apoiar este projeto desligando o seu Ad Blocker.

Pode também apoiar-nos subscrevendo a nossa ou seguindo-nos nas redes sociais Facebook, Instagram e Twitter.