Todos os dias, ao final da noite, Bruno Nogueira faz um direto na sua conta no Instagram.  "Como é que o bicho mexe?" tem contado com vários convidados, como João Manzarra ou José Castelo Branco.

As emissões em direto têm sido acompanhadas por milhares de pessoas - esta quinta-feira, mais de 20 mil pessoas viram o direto na conta de Instagram no humorista.

"As coisas simples passam a ter um eco diferente nestes tempos confusos. Comecei há uns dias a fazer emissões em directo no meu Instagram. Para manter a minha própria sanidade mental, para exercitar o improviso, para não me acomodar, e para alimentar a vontade de estar com outros. Para não ser bicho da conta", explica Bruno Nogueira nas redes sociais.

"Depois de tudo feito e arrumado, com a casa exausta de ver acontecer mais um dia, bebo um copo de vinho com amigos, à (difícil de suportar) distância possível neste momento. As mensagens que recebo no fim já me comoveram e já me fizeram rir. O raio do bicho faz isto: torna-nos mais iguais que nunca e fica tudo em carne viva. Enfermeiros e médicos que estão na linha da frente, pessoas com problemas de ansiedade que se multiplicam nos dias que correm, outros que perderam familiares, e outros tantos com doenças que ganham novo peso agora. Quase todos com saudades de abraçar", acrescenta.

No texto, o humorista frisa que não sabe quanto tempo mais irá aguentar o ritmo diário: "Não sei quanto tempo mais irei aguentar o ritmo diário (é possível que passe a ser menos vezes por semana, e às 22h) mas quero que saibam que também a mim me faz bem estar convosco".

"Vai correr tudo bem, um dia de cada vez. Aguentem firmes, não cedam. Estamos todos juntos nisto de estarmos longe. Obrigado a todos os que vão passando pelo directo, mas em especial (e que me perdoem os outros) ao Markl e ao Filipe Melo, pela nossa bonita amizade que se multiplica em coisas boas", acrescenta.

Newsletter

Fique a par de todas as novidades do SAPO Mag. Semanalmente. No seu email.

Notificações

Os temas quentes do cinema, da TV e da música estão nas notificações do SAPO Mag.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.