"A Casa das Flores" ("La Casa de las Flores" no título original) chegou na passada sexta-feira, dia 10 de agosto, à Netflix e já conquistou milhares de fãs em todo o mundo. A comédia negra segue uma abastada matriarca que tenta manter a "fachada perfeita da família quando a amante do marido põe a descoberto todos os seus segredos sujos".

Na série mexicana, realizada por Manolo Caro e protagonizada pela atriz Veronica Castro, os La Mora tentam passar a imagem de uma família unida e focada nos negócios. Mas os problemas são muito maiores do que parecem: "um suicídio, um marido infiel, um genro transexual,  um negócio arruinado, uma criança bissexual, tráfico de drogas e sorrisos", descreve o El País.

Veja o trailer:

A série tem sido descrita como uma novela para os millennials. Para a edição mexicana da revista Forbes, "A Casa das Flores" ganha pontos por abordar temas tabus - infidelidade, drogas, sexo, bissexualidade e transexualidade -, que geralmente ficam de fora das histórias das produções mexicanas.

Para o El Páis, apesar de reinventar a forma de fazer novelas, a série da Netflix não perde a essência ao ter como protagonista Verónica Castro, a grande estrela do México, considerada a rainha das novelas. Com mais de 50 anos de carreira, a atriz é uma peça fundamental no elenco.

Cecilia Suárez, Aislinn Derbez, Darío Yazbek Bernal, Sheryl Rubio, Paco León e Sawandi Wilson também fazem parte do elenco da série.

Newsletter

Fique a par de todas as novidades do SAPO Mag. Semanalmente. No seu email.

Notificações

Os temas quentes do cinema, da TV e da música estão nas notificações do SAPO Mag.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.