O cinema do realizador João Pedro Rodrigues estará em destaque no programa "EcoQueerÉcho", que começa no dia 28 em Nice, França, no âmbito da Temporada Cruzada Portugal-França 2022, anunciou hoje o festival Queer Lisboa, coorganizador.

O programa "EcoQueerÉcho" é organizado pelos festivais Queer Lisboa e Rencontres Cinématographiques In&Out e decorrerá naquela cidade até 6 de maio, tendo como tema da programação "a ecologia, a paisagem, a sustentabilidade e a coexistência interespécie através do prisma do cinema queer".

Da programação anunciada, destaque para a presença do cinema do realizador João Pedro Rodrigues, que terá uma retrospetiva na Cinemateca de Nice.

"O Fantasma" (2000), "Odete" (2005), "Morrer Como um Homem" (2009) e "O Ornitólogo" (2016) são alguns dos filmes de João Pedro Rodrigues integrados no programa, aos quais se junta "A Última Vez que Vi Macau" (2012), coassinado com o companheiro e realizador João Rui Guerra da Mata.

Os dois autores estarão em Nice para uma 'masterclass' no dia 28 na cinemateca.

De acordo com o Queer Lisboa, no "EcoQueerÉcho" serão ainda exibidas várias curtas-metragens portuguesas cuja temática se relaciona com o programa proposto.

São elas "A Mordida" (2019), de Pedro Neves Marques, "Encounters with Landscape (3x)" (2012), de Salomé Lamas, "Ø Ilha" (2020), de Cláudia Varejão & Joana Castro, e "Flores" (2017), de Jorge Jácome.

Na sala de cinema Jean-Paul Belmondo passará o filme "Armazónia" (2021), de Francisco Moura Relvas, e na livraria Vigna estará uma exposição dedicada ao trabalho de João Pedro Rodrigues e ao percurso do festival Queer Lisboa.

A Temporada Cruzada Portugal-França 2022 é uma iniciativa de diplomacia cultural, de aprofundamento de relações entre os dois países, com uma intensa programação que arrancou em fevereiro e terminará em outubro.

Tudo o que se passa à frente e atrás das câmaras!

Receba o melhor do SAPO Mag, semanalmente, no seu email.

Os temas quentes do cinema, da TV e da música!

Ative as notificações do SAPO Mag.

O que está a dar na TV, no cinema e na música!

Siga o SAPO nas redes sociais. Use a #SAPOmag nas suas publicações.