Depois dos Três Mosqueteiros, Robin dos Bosques e Zorro, a Esgrima espera atrair novos praticantes com a ajuda de Luke Skywalker, Obi-Wan Kenobi e Darth Vader.

A Federação Francesa reconheceu oficialmente os duelos com sabres de luz como uma modalidade competitivo, atribuindo à arma criada por George Lucas para a saga "Star Wars" o mesmo estatuto das tradicionais florete, espada e sabre.

A federação está a equipar os clubes desportivos com as réplicas de policarbonato e a treinar instrutores. Na criação desta nova disciplina existirão regras para a tornar tanto competitiva como visualmente cativante, como acontece nos filmes "Star Wars".

A atividade física proporcionada pelos confrontos com a arma tradicional dos Jedi é uma das razões para a decisão.

A outra é usar a Força para combater o Lado Negro do século XXI: os hábitos sedentários da juventude.

"Trata-se de um sério problema de saúde pública com os jovens de hoje. Não fazem qualquer desporto e apenas exercitam com os seus polegares", explicou à Associated Press Serge Aubailly, secretário-geral da federação.

"É por isso que estamos a tentar criar uma ligação entre a nossa disciplina e as tecnologias modernas, para que fazer um desporto pareça natural", salientou.

"Os filmes de capa-e-espada sempre tiveram um grande impacto na nossa federação e no seu crescimento. Os filmes com sabres de luz têm o mesmo impacto. Os jovens querem tentar", notou este responsável.

Uma vez que a disciplina apenas tem algumas centenas de praticantes, não se espera que entre tão cedo nos Jogos Olímpicos, ainda menos para os que estão marcados para Paris em 2024.

Newsletter

Fique a par de todas as novidades do SAPO Mag. Semanalmente. No seu email.

Notificações

Os temas quentes do cinema, da TV e da música estão nas notificações do SAPO Mag.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.