Criada pela Toho em 1954, a personagem Godzilla já por várias vezes se reinventou. De destruidor a herói, foi-se potenciando como uma metáfora ecológica, onde as suas ações passaram a representar um aviso: se destruíres a natureza que te rodeia, ela vai ripostar.

Depois dos eventos do filme americano "Godzilla" (2014), o objetivo dos produtores foi o de expandir o universo mitológico e revelar o verdadeiro caos escondido nas profundezas da terra.

E que melhor forma do que apresentar uma cacofonia em modo "battle-royale" com as mega-espécies Mothra, Rodan e Ghidorah, os seus três inimigos ancestrais?

Ghidorah é um dragão dourado de três cabeças e duas caudas, que triplica a ameaça e a destruição; Rodan, uma criatura de velocidades supersónicas e força tempestuosa; e claro, Mothra, a traça-mãe, de uma força feminina e algo mágica.

E para dar um rosto ao apocalipse, enfrentando cenários "chroma" de cor azul e lidando com a sua imaginação e criatividade no "set", são vários os actores que se envolvem num confronto de morte contra a espetacularidade CGI dos monstros: Kyle Chandler, Vera Farmiga e Millie Bobby Brown, como Mark, Emma e Madison Russel, respetivamente, e com eles, os repetentes do primeiro filme Ken Watanabe, Sally Hawkins e David Strathain.

Todos sabem que a iminência da destruição está à distância de um passo de gigante. E, infelizmente, muitas das suas ações não fazem sentido e são meros fantoches para o ar de espanto quando provocam um dos kaiju.

E que espanto! Os monstros são incríveis, realistas e visíveis, ao contrário do "Godzilla" de Garth Edwards, que se encontrava sempre na penumbra. Tons laranja e azuis e uma textura arrepiante preenchem as lutas que os fãs tanto esperavam.

"Godzilla II - Rei dos Monstros" é um filme pipoca a transbordar. De ritmo contagiante e imparável, é uma experiência titânica, divertida, repleta de extravagância e visceralidade poderosa. De sentir o chão tremer com os rugidos dos monstros e, ao olhar sobre a tela, a dimensão na nossa insignificância. E quem procura drama e significado, o melhor é experimentar a sala ao lado...

"Godzilla II: Rei dos Monstros": nos cinemas a 30 de maio.

Crítica: Daniel Antero

Saiba mais no site Cinemic.

Trailer:

Newsletter

Fique a par de todas as novidades do SAPO Mag. Semanalmente. No seu email.

Notificações

Os temas quentes do cinema, da TV e da música estão nas notificações do SAPO Mag.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.