De acordo com Aurélien Philippe-Gérard, o artista lutava há muito tempo contra uma doença, que não foi revelada.

Nascido no Brasil, em São Paulo, Philippe-Gérard, que tem como verdadeiro nome Philippe Bloch, iniciou a carreira com Édith Piaf, para quem compôs "Pour moi toute seule", em 1945, e depois "Marie la Française", "Avec ce soleil", "Miséricorde" e "Le chevalier de Paris".

Traduzida para inglês com o título "When the world was young", essa última canção tornou-se um êxito nos Estados Unidos, sobretudo na voz de Frank Sinatra.

"Edith Piaf também apresentou o meu pai a Yves Montand, que confiou nele ao longo da sua carreira", lembrou o filho do compositor.

A música de Philippe-Gérard também foi interpretada por Eddie Constantine, Henri Salvador, Cora Vaucaire, Juliette Gréco, Jeanne Moreau, Maurice Chevalier, Sacha Distel e outros artistas. O compositor também foi responsável pela banda sonora de vários filmes, em especial de Alain Resnais.

@AFP

Newsletter

Fique a par de todas as novidades do SAPO Mag. Semanalmente. No seu email.

Notificações

Os temas quentes do cinema, da TV e da música estão nas notificações do SAPO Mag.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.