Angelina Jolie está na fase final das negociações do contrato para ser a protagonista de "Those Who Wish Me Dead" ["Aqueles Que me Desejam Morto", em tradução literal].

Segundo o Deadline, o projeto será o segundo filme realizado por Taylor Sheridan após o aclamado "Wind River" (2017). Ele também foi o argumentista de "Hell or High Water - Custe o Que Custar!" (2016), "Sicário - Infiltrado" (2015) e "Sicario: Guerra de Cartéis" (2018).

Sheridan adaptou um livro de Michael Koryta sobre um jovem de 14 anos que recebe uma identidade falsa e é protegido por um programa para adolescentes problemáticos ne território selvagem no estado do Montana após testemunhar um crime brutal. Ao mesmo tempo, os criminosos não desistem de o perseguir, eliminando todos os que se colocam nesse caminho.

Outros detalhes e a personagem de Angelina Jolie não foram revelados, mas o plano passa pela rodagem começar já em maio.

Este "thriller" tem pontos em comum com outro projeto que a atriz aceitou em setembro do ano passado, "The Kept", a adaptação de um livro de James Scott.

Aqui, a história arranca com um trio de assassinos que visita uma quinta isolada a norte de Nova Iorque no inverno de 1897 e quando a mãe de família (Jolie) regressa, descobre que o seu marido e quatro dos filhos foram assassinados.

Também atingida por um tiro a longa distância, será um quinto filho, que sobreviveu porque se conseguiu esconder, que irá tratar dela até recuperar o suficiente para enfrentar o tempo gelado e encontrar os responsáveis pelos crimes.

Com 43 anos e mais ativa no trabalho humanitário, pouco se tem visto de Angelina Jolie no cinema desde o sucesso de "Maléfica", o filme da Disney que fez em 2014 sobre a "verdadeira" história" da vilã mais icónica do clássico de 1959 da Disney "A Bela Adormecida".

A excepção foi o discreto "Junto ao Mar" (2015), que realizou e onde contracenou com o então marido Brad Pitt, tendo reconhecido mais tarde que o filme foi uma "tentativa de comunicação".

Em setembro de 2017 e após a separação, a atriz comentou bem disposta que era "o sustento da família, portanto já era tempo" de regressar.

O primeiro projeto a avançar foi o reencontro com Elle Fanning na sequela de "Maléfica", cuja rodagem já terminou mas que só estreia em maio de 2020.

Newsletter

Fique a par de todas as novidades do SAPO Mag. Semanalmente. No seu email.

Notificações

Os temas quentes do cinema, da TV e da música estão nas notificações do SAPO Mag.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.