O filme “Entre Sonhos”, de Joaquim Pavão, recebeu o Prémio Melhor Filme Experimental do Festival Internacional de Cine sobre Ufología y Fenómenos Paranormales, que decorreu na cidade de Neuquén, na Argentina.

“Entre Sonhos” foi distinguido entre mais de 100 filmes em competição, apresentados durante a semana passada no Museo Nacional de Bellas Artes (MNBA), de Neuquén. A ação do filme decorre num mundo pós-capitalista em que todas as decisões estão determinadas por uma universal “vontade correta”, para um possível equilíbrio. Este equilíbrio, porém, é posto em causa através dos sonhos das personagens.

Coproduzido com o Museu Internacional de Escultura de Santo Tirso (MIEC), a associação Fugir do Medo, a produtora Filmógrafo, o Cine Clube e o Festival de Cinema de Avanca, o filme foi rodado sobretudo em Santo Tirso e nas praias e canaviais de Pardilhó.

Partindo de uma ideia com a atriz Isabel Fernandes Pinto, e com composições do guitarrista Óscar Flecha, o filme do realizador (e também guitarrista) Joaquim Pavão contou com desenho de Gil Moreira, figurinos de Tucha Martins e curadoria de Álvaro Moreira.

“Entre Sonhos” teve estreia no 24.º Festival de Avanca, foi exibido na RTP2 e selecionado para os festivais de Montecatini (Itália), Meihodo (Japão), OSFF (Birmânia), Entre Olhares (Barreiro) e Córdoba (Argentina), assim como para os certames norte-americanos Bridge Fest 2021 e 7th Art Festival of Miami.

Tudo o que se passa à frente e atrás das câmaras!

Receba o melhor do SAPO Mag, semanalmente, no seu email.

Os temas quentes do cinema, da TV e da música!

Ative as notificações do SAPO Mag.

O que está a dar na TV, no cinema e na música!

Siga o SAPO nas redes sociais. Use a #SAPOmag nas suas publicações.