Um novo spot com um minuto para televisão de "Star Wars: O Despertar da Força" foi divulgado nos EUA para assinalar o Thanksgiving [Dia de Ação de Graças].

De batalhas aéreas a lutas com sares de luz e até Harrison Ford como Han Solo a disparar, as novas imagens estão recheadas de ação, confirmando que estaremos longe de um filme apropriado para crianças.

De facto, a classificação etária nos EUA foi anunciada como sendo PG-13 ou seja, apropriada para adolescentes, indicando que a saga ainda não é apropriada para ser vista por toda a família apesar de estar em poder da Disney.

A comissão da Motion Picture Association of America, responsável pela decisão, não é muito específica, alertando apenas para "ação violenta de ficção científica".

Depois de "A Vingança dos Sith", o filme de 2005, trata-se apenas da segunda vez que um titulo "Star Wars" recebe esta classificação, que só existe desde 1984. Se existisse quatro anos antes, o PG-13 seria apropriado para várias cenas de "O Império Contra-Ataca".

O filme de J.J. Abrams, que decorre cerca de 30 anos após os acontecimentos de "O Regresso de Jedi", está a bater vários recordes de pré-venda de bilhetes. Nos EUA, vários analistas pensam que poderá mesmo bater os 208,4 milhões de dólares estabelecidos por "Mundo Jurássico" em junho como recorde de estreia.

"Star Wars: O Despertar da Força" estreia a 17 de dezembro.

Veja o novo spot televisivo.

Newsletter

Fique a par de todas as novidades do SAPO Mag. Semanalmente. No seu email.

Notificações

Os temas quentes do cinema, da TV e da música estão nas notificações do SAPO Mag.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.