A plataforma portuguesa Queer Art Lab vai organizar este mês, em Lisboa, uma mostra de cinema e vídeo que quer ser “palco de visibilidade” para pessoas queer.

Intitulada "Catapulta", a mostra vai acontecer nos dias 30 de junho e 1 de julho, no Cinema Fernando Lopes (dentro da Universidade Lusófona) com filmes que abordam “várias experiências e realidades dentro do mundo queer”, como refere a organização em comunicado.

Entre as escolhas está o documentário "The Alexander Ball", de Jessica Magro, sobre a existência da iniciativa “Ballroom” na Austrália, um espaço de comunidade considerado seguro para as pessoas queer e que também já existe em Portugal.

"Chá da meia-noite", curta-metragem de Sibila Lind sobre Jo Bernardo, “que foi, possivelmente, a primeira ativista T em Portugal”, e "Indianara", de Aude Chevalier-Beaumel e Marcelo Barbosa, sobre a luta de mulheres trans no Brasil, também integram a mostra.

Todas as sessões são seguidas de debates.

O Queer Art Lab foi criado em 2021 como uma plataforma lisboeta “de capacitação, empoderamento e suporte direcionada a artistas LGBTQI+”.

Tudo o que se passa à frente e atrás das câmaras!

Receba o melhor do SAPO Mag, semanalmente, no seu email.

Os temas quentes do cinema, da TV e da música!

Ative as notificações do SAPO Mag.

O que está a dar na TV, no cinema e na música!

Siga o SAPO nas redes sociais. Use a #SAPOmag nas suas publicações.