"A Canção de Uma Vida" é um projecto intímo e que segue a veia do bom cinema independente norte-americano. Num registo muito pensado e com carácter genuíno, algo que por vezes achamos que está em vias de extinção na sétima arte, o filme une como poucos a maravilha da música com o fascínio do cinema e assenta na beleza da simplicidade da narrativa que mexe com o espectador. Realce não só para o talento e maturidade artística da direcção e argumento de Kate Barker-Froyland no seu trabalho de estreia como também para as grandes interpretações e a química perfeita dos protagonistas Anne Hathaway (assina a produção e tem o seu melhor papel entre nós em 2015) e o quebra-corações Johnny Flynn. Uma jóia independente.

Newsletter

Fique a par de todas as novidades do SAPO Mag. Semanalmente. No seu email.

Notificações

Os temas quentes do cinema, da TV e da música estão nas notificações do SAPO Mag.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.